Confira:

6/recent/ticker-posts

Alunos do do Colégio Tiradentes de Guajará-Mirim realizam exposição sobre a história de Vila Murtinho



Uma réplica da locomotiva da Vila Murtinho, em Nova Mamoré foi criada pelos alunos, especialmente para exposição

PORTO VELHO, RO - Após adquirirem conhecimentos por meio de escritores e in loco e conhecerem cada detalhe de Vila Murtinho, distrito localizado na zona rural de Nova Mamoré, os alunos do 3° ano do Colégio Tiradentes da Polícia Militar, Unidade X de Guajará-Mirim – CTPM-X, realizaram uma exposição para mostrar e contar tudo o que aprenderam.

A atividade faz parte do Projeto “Literatura na História“ e encerrou na última sexta-feira (17), com a apresentação de trabalhos pelos alunos em uma exposição que esbanjou criatividade.

Os professores das disciplinas de Língua Portuguesa e História, respectivamente, Hélia Isabel Alves da Costa Mello e Charliton Edson Gomes da Silva Brito, convidaram no mês de maio, o escritor e professor Simon Oliveira dos Santos para participar do Projeto “Roda de Leitura”. O convidado falou sobre o vilarejo conhecido como Vila Murtinho e aguçou a curiosidade dos alunos. Foi assim que iniciou o novo projeto, denominado “Literatura na História”.



Alunos, professores, servidores do Colégio e comunidade em geral prestigiaram a exposição

No último dia 1° foi realizada excursão com a participação de 40 alunos até o distrito de Vila Murtinho. Desde então, passaram a desenvolver os trabalhos, e a apresentação ocorreu no dia (17). Participaram no total, 140 alunos do 3° ano. Foram apresentadas maquetes, colagens, desenhos e pinturas que retratam a localidade. Alguns estudantes, inclusive, se vestiram para representar os personagens históricos e repassaram conhecimentos para os visitantes.

“Durante a excursão, os alunos tiveram acesso a um material rico; incluindo entrevistas, imagens e filmagens. A equipe gestora da escola e colegas deram total apoio para o desenvolvimento dos projetos. O resultado nos deixou muito contentes, mais ainda em relação ao aprendizado dos alunos”, destacou o professor Charliton.

“O projeto nasceu a partir da preocupação em se trabalhar a literatura amazônica, que é tão pouco valorizada pelo conteúdo escolar. A partir do conhecimento do livro do escritor Simon observamos que era possível ter literatura na prática. Assim surgiu a ideia de compartilhar os contos na sala de aula, e a partir disso, conhecermos onde a história real se passou. Assim também podemos conhecer a nossa região que é tão rica e muitas vezes nossos alunos, nossa comunidade escolar compreende tão pouco e desconhece tanto”, acentuou a professora Hélia Isabel.

“Foi muito importante a execução desse projeto, pois trouxe um leque de curiosidades e fatos históricos marcantes aos nossos olhos. Nós fomos ao local e observamos o rio, conhecemos a igrejinha e a antiga estação de trem. Além disso, a experiência trouxe muito conhecimento também aos colegas que não puderam ir até a Vila Murtinho”, pontou a aluno Jamile Anes Tamo.


Fonte: Governo de Rondônia

Postar um comentário

0 Comentários