Confira:

6/recent/ticker-posts

FORA DA LEI: Capitania dos Portos utiliza reboque sem iluminação e sinalização em Porto Velho


Para os militares parece que vale a máxima: “Faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço”

PORTO VELHO, RO - Recentemente, uma caminhonete da Capitania dos Portos de Porto Velho transitava tranquilamente com um reboque com uma lancha em cima, na Avenida Almirante Barroso, quando precisou parar na esquina com a Rafael Vaz e Silva.

Até aí, nada demais se um internauta do Rondoniaovivo não tivesse percebido que a “carretinha” estava sem sinais luminosos (pisca-alerta) e nenhum tipo de sinalização: nem bandeirinhas ou placas para manter a distância.



“Vai um cidadão comum transportar uma lancha desse tamanho e eles [militares] pegarem. A multa é salgada e sem muito argumento. Agora, parece que pra eles vale o famoso ‘faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço”, comentou o leitor que enviou as imagens para a redação do jornal eletrônico.

Silêncio

Durante três dias, o Rondoniaovivo tentou contato com a assessoria de comunicação da Capitania dos Portos da Amazônia Oriental, em Manaus (AM), responsável pelo contato com a imprensa sobre assuntos que envolvem a Capitania dos Portos de Porto Velho.

O setor apenas se limitou a informar que “buscaremos informações a respeito” e não se pronunciou mais sobre o assunto. Caso haja alguma manifestação, o texto desta reportagem será atualizado a qualquer momento.


Responsáveis preferiram não se pronunciar quanto à falha dos militares em Porto Velho


Fonte: Rondoniaovivo

Postar um comentário

0 Comentários