Confira:

6/recent/ticker-posts

Escola municipal tem aulas suspensas após furto de fios em Vilhena; engenheiro explica solução


PORTO VELHO, RO - A Escola Municipal Professora Noeme Barros Pereira, localizada no bairro Bodanese, em Vilhena, foi alvo da ação de marginais no início da semana.

No feriado de terça-feira, 24, os “larápios” levaram cabos de energia de 95 mm, que faz conexão com a rede elétrica da escola. Ao todo, 222 alunos, da educação infantil de creche e pré-escola, foram afetados.

A reportagem do Extra de Rondônia entrou em contato com a Secretaria Municipal de Educação (Semed), para obter mais informações sobre o ocorrido.

O engenheiro elétrico das escolas, Cabral, informou que os “larápios” quebraram o cadeado e lacre do poste de energia e furtaram os cabos.

“Na parte de dentro da escola, os cabos são subterrâneos, escondidos. Porém, subindo no muro próximo ao poste, dava para ver os cabos. Eles quebraram o cadeado e o lacre, e furtaram os cabos que alimentam de energia toda a energia da escola. Por isso não teve aulas nos últimos 3 dias”, informou Cabral.

De acordo com a Semed, as aulas vão retornar na segunda-feira, 30, após instalação de cabos de energia provisórios na unidade educacional.

“Infelizmente, neste momento, não vai adiantar colocar novamente os cabos de 95 mm. Por isso, estamos colocando um provisório que atenderá de 50 a 70% da capacidade de energia na escola. Possivelmente, vai ter que revezar para o funcionamento dos aparelhos de ar-condicionado”, disse o engenheiro.

A solução encontrada, agora, é a instalação subterrânea dos cabos de 95 mm para evitar novos furtos.


Cabos foram furtados do medidos de energia da escola / Foto: Extra de Rondônia

Comunicado publicado pela direção da escola / Foto: Extra de Rondônia

Fonte: Extra de Rondônia

Postar um comentário

0 Comentários