Confira:

6/recent/ticker-posts

Bolsonaro chama Musk de “mito da liberdade” e diz que compra do Twitter é sopro de esperança


PORTO VELHO, RO - O presidente Jair Bolsonaro (PL) comemorou nesta sexta-feira (19) a visita do bilionário Elon Musk ao Brasil e afirmou que o empresário é o “mito da liberdade”. As declarações ocorreram durante discurso de abertura do encontro, com a presença de ministros e empresários, no hotel Fasano Boa Vista, em Porto Feliz, no interior paulista. Durante o encontro, Musk foi condecorado pelo presidente Jair Bolsonaro com uma medalha de honra ao mérito.

“Cada vez mais a tecnologia se faz presente para nos ajudar. O mais importante da presença dele (Musk) é algo que é imaterial. Hoje em dia poderíamos chamá-lo de mito da liberdade. Tem aquilo que nos fará falta para qualquer coisa que por ventura possamos pensar para o futuro. Um exemplo que ele nos deu há poucos dias, quando se anunciou a compra do Twitter, para nós foi como um sopro de esperança. O mundo todo passa por pessoas que têm vontade de devolver essa liberdade. A liberdade é a semente para o futuro. Então a presença dele (Musk) aqui, todos sabem da sua importância e do que ele representa para o mundo”, afirmou Bolsonaro. Musk negocia para se tornar dono do Twitter. No momento a compra foi temporariamente suspensa.

“Podia estar preocupado com ele mesmo, mas não. Veio ao nosso país, como tem andado pelo mundo, demonstrando o que ele pretende deixar para todos nós. Só sua passagem já nos marcará para sempre, em especial a mim. A tecnologia, a ciência e o estudo faz com que a vida se torne melhor para todos. A questão da Amazônia para nós é muito importante”, declarou o presidente.

O bilionário Elon Musk, CEO da Tesla, chegou ao Brasil na manhã desta sexta-feira (20). A aeronave do empresário, dono de uma fortuna avaliada em US$ 210 bilhões, pousou por volta das 9 horas em um aeroporto privado do município de São Roque, no interior de São Paulo.


Também pelo Twitter, Musk publicou uma mensagem na manhã de hoje afirmando que estava animado por estar no país. “Super animado por estar no Brasil para o lançamento do Starlink para 19.000 escolas desconectadas em áreas rurais e monitoramento ambiental da Amazônia”, declarou o empresário na rede social.

Segundo o ministro das Comunicações Fábio Faria, Musk e Bolsonaro devem falar sobre projetos para conectar as escolas rurais do país com banda larga e também de sistemas de monitoramento da Amazônia. “Vamos falar sobre os marcos regulatórios, regulação na Amazônia e conectividade nas escolas. A meta do MCom é conectar 100% das escolas até o final do ano e fazer com que a tecnologia ajude na preservação da Amazônia”, publicou Faria em suas redes sociais na quinta-feira (19). Em novembro do ano passado, Faria já havia se reunido com o bilionário nos Estados Unidos.

O encontro entre o presidente Jair Bolsonaro (PL) e o bilionário Elon Musk tornou-se o assunto mais comentado do Twitter Brasil nesta sexta-feira (20). A hashtag #BolsoMusk tem mais de 52 mil menções na rede social. A reunião entre o chefe do executivo e o empresário é comemorado entre apoiadores do presidente, que realizam uma campanha para o compartilhamento do assunto nas redes sociais.

Errata: Durante a cobertura do encontro, a Gazeta do Povo teve acesso inicialmente a um vídeo de baixa qualidade do discurso de presidente da República, feito durante a abertura da reunião, na qual Bolsonaro afirmava que Musk era o “ministro da liberdade”. Na realidade, ao confirmar a gravação em um áudio de melhor qualidade, foi constatado que Bolsonaro se referiu ao empresário como “mito da liberdade”. Pelo erro pedimos desculpas.


Fonte: Gazeta do Povo

Postar um comentário

0 Comentários