Confira:

6/recent/ticker-posts

Axolote, bicho que é sucesso no 'Minecraft', é novo morador do zoológico de SP; conheça



Animais da espécie, que corre risco de extinção, foram resgatados após tentativa de tráfico


PORTO VELHO, RO - Exótico, lembrando um dinossauro e famoso no mundo virtual —esse é o axolote. O bicho, que faz sucesso no jogo 'Minecraft', é o novo morador do zoológico de São Paulo.

No game, um dos mais populares do mundo, esses animais são como soldados marinhos. Mas o Ambystoma mexicanum, nome científico dele, é mais boa-praça. Anfíbio nativo do México —e, portanto, distante dos dinossauros, que eram répteis—, eles fazem parte da família das salamandras e têm patas e brânquias externas, que mais parecem anteninhas ao lado da cabeça.

No zoológico, eles ficam dentro de um aquário na seção chamada O Pulo do Sapo, na qual vivem dois axolotes fêmeas —um preto, cor natural do bicho, e o outro branco, com falta de melanina.

Voltando ao 'Minecraft', lá os axolotes são criaturas capazes de gerar regeneração e remoção do cansaço. Na vida real, eles também se regeneram facilmente. Ou seja, mesmo que percam um pedaço do corpo, como a cauda, essa parte volta a crescer —dependendo do grau do ferimento, isso acontece em horas.

Cybele Lisboa, gerente de manejo de répteis e anfíbios do zoológico, comenta que esse é um dos motivos de a criatura aparecer com frequência em estudos científicos que analisam a reestruturação celular em humanos.

Outro aspecto importante lembrado pela bióloga é o desaparecimento do animal na fauna mexicana. Os dois indivíduos que estão na instituição, por exemplo, foram resgatados em operações contra o tráfico de animais. Os axolotes apreendidos foram para o Aquário de São Paulo, que, por sua vez, doou os dois anfíbios para o zoológico.

"Essa espécie, hoje em dia, é encontrada em apenas um lago próximo à Cidade do México, bastante comprometido quanto à qualidade ambiental. O outro lago em que a criatura era encontrada desapareceu completamente devido ao processo de urbanização. Por esse motivo, é considerado criticamente ameaçado de extinção", afirma Lisboa.


Axolote no game 'Minecraft' - Reprodução

Por fim, mais uma curiosidade: a espécie mantém as características de larva, com as as brânquias externas, mesmo durante a fase adulta. Isso aumenta ainda mais o aspecto exótico, fazendo com que ele fique no meio do caminho daquelas ilustrações dos livros escolares sobre evolução —é um girino aquático, mas com patas e que parece querer andar sobre a terra.

Os curiosos, os fãs de anfíbios ou os jogadores de 'Minecraft' que desejarem visitar os axolotes do zoológico terão de desembolsar R$ 59,90 —mas crianças de até quatro anos não pagam.


Fonte: Folha de São Paulo

Postar um comentário

0 Comentários