Confira:

6/recent/ticker-posts

Moradores da comunidade de Brasileira recebem estação de água tratada


Implantação do sistema é fruto de cooperação entre o município e a Funasa


PORTO VELHO, RO - Uma estação da Solução de Alternativa de Tratamento de Água (Salta-Z) foi entregue aos moradores da comunidade Brasileira, no distrito de São Carlos, zona rural de Porto Velho. A instalação do sistema de água potável, na última sexta-feira (18), é fruto de uma cooperação entre a Prefeitura da capital e a Fundação Nacional de Saúde (Funasa).

Estação de tratamento é fruto da parceria entre a Prefeitura e Funasa

A instalação da Salta-Z foi acompanhada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) e contou com recursos parlamentares destinados pela vereadora Márcia Socorrista. Esta é a quarta estação implantada no município, beneficiando as comunidades de Agrovila Rio Verde, Nova Aliança e Calderita, contempladas com o sistema.

Membro de uma das 30 famílias que moram na comunidade Brasileira, Lourdes Zanol fala da sensação de receber um ponto de água tratada. “A água dos poços daqui não é potável e sempre tínhamos que ir até Porto Velho para buscar água mineral. A instalação deste ponto foi a melhor coisa que aconteceu e estamos felizes”, relatou.

“Nós tínhamos uma carência de água muito grande aqui, principalmente para consumo. Hoje, com a Salta-Z, podemos contar com uma água de excelente qualidade que vai atender a comunidade, tanto no cozimento do alimento quanto para beber”, destaca Valmir Ferreira, também morador de Brasileira.

Lourdes Zanol destaca benefícios à comunidade com a chegada da Salta-Z


Desenvolvido pela Funasa e instalado pelo Departamento de Vigilância em Saúde (DVS), da Semusa, o sistema Salta-Z, que conta com um filtro que transforma a água imprópria em água potável, é destinado a pequenas comunidades que não possuem acesso ao líquido de boa qualidade.

“Realizamos diversas reuniões com o prefeito Hildon Chaves e com a Funasa para discutir a implantação do Salta-Z aqui na Comunidade de Brasileira. Hoje conseguimos entregar essa estação de água tratada. Com esse avanço, conseguimos reduzir casos de infecção causados por bactérias e vírus presentes na água não tratada”, esclareceu a secretária da Semusa, Eliana Pasini.

Além da comunidade de Brasileira, comunidades adjacentes também serão impactadas com a instalação do Salta-Z. Em breve, uma unidade será instalada no distrito de Nova Califórnia, na Ponta do Abunã.

Texto: Carlos Sabino
Foto: Carlos Sabino
Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Postar um comentário

0 Comentários